ES
Projetos
“Para ti Se não faltares!”

 

É um projeto de capacitação e combate ao absentismo, abandono e insucesso escolar de crianças e jovens em risco. Este projeto trabalha de forma integrada e multidisciplinar as aprendizagens básicas e as competências pessoais e sociais, com particular enfoque em: saber ser, saber estar e saber. No âmbito do projeto, são dinamizadas atividades desportivas, utilizando o conceito de desporto inclusivo, e atividades lúdico-pedagógicas que desenvolvem conceitos e competências básicas. Entre o ano letivo 2009/10 e o ano letivo 2017/18, já participaram no projeto mais de 3.300 jovens.


Benfica Faz Bem

 

O projeto “Benfica Faz Bem” traduz-se, essencialmente, na interação de atletas do Sport Lisboa e Benfica com diferentes grupos, em particular com crianças e jovens, em reconhecimento dos benefícios associados a um contacto desta natureza, designadamente ao nível da autoestima, confiança, alegria, adoção de estilos de vida saudáveis e prevenção de comportamentos desviantes. Estas ações assumem diferentes formatos e contemplam, igualmente, a entrega de brinquedos a crianças de instituições parceiras da Fundação que foram angariados pelo Universo Benfica, incluindo todos os Departamentos do Grupo Benfica. Outras visitas e ações que concorram para a prossecução destes objetivos, ainda que realizadas junto de outros públicos-alvo como idosos, cidadãos portadores de deficiência e outros grupos em risco de exclusão, inserem-se igualmente no “Benfica Faz Bem”.


KidFun - Educação para Valores

 

É um projeto que visa apoiar a escola e a família na educação das crianças, ao nível do saber ser, motivando-as à descoberta e aprofundamento dos valores fundamentais de conduta e da vida em sociedade. Os valores influenciam diretamente os comportamentos e atitudes de crianças e jovens, perpetuando modelos e garantindo equilíbrios sociais, pelo que a problemática dos valores se constitui como uma prioridade na política educativa europeia. O projeto KidFun recorre a metodologias ativas, inovadoras e fortemente motivadoras, capitalizando a atratividade da marca Benfica, para potenciar a importância simbólica e a aprendizagem dos valores pelas crianças do 1.º Ciclo do Ensino Básico. O projeto foi lançado em maio de 2014 e já participaram mais de 50.000 crianças.


Desporto Inclusivo

 

O desporto inclusivo é uma importante área de intervenção da Fundação Benfica, que proporciona múltiplas experiências e espaços de aprendizagem e desenvolvimento únicos, utilizando o desporto como ferramenta para a integração bem como a atratividade do SL Benfica. Neste âmbito, destacam-se as ações realizadas no domínio do futebol adaptado, através das quais uma seleção de jovens com deficiência tem a oportunidade de conviver e competir, inclusivamente representando a Fundação Benfica em Torneios Internacionais de Futebol Adaptado. Outra iniciativa particularmente relevante é a colaboração da Fundação e do Sport Lisboa e Benfica com a CAIS, no âmbito da Seleção Nacional de Futebol de Rua. Esta iniciativa proporciona um estágio de preparação para o Mundial de Futebol de Rua, garantindo todas as condições e motivando os jovens participantes através de variadíssimas experiências inesquecíveis, não só para o Mundial mas essencialmente para a vida. Mais recentemente a Fundação Benfica tem promovido a nível nacional a prática do Walking Football sendo de destacar o protocolo com a RUTIS – Rede de Universidades Seniores, o que em muito contribuiu para projetarmos e implementarmos em múltiplos territórios, incluindo os Açores, este projeto de envelhecimento ativo.


Assistência Humanitária

 

A Fundação Benfica atua, desde 2010, a nível internacional em questões de Assistência Humanitária. A nossa intervenção no Mundo é desenvolvida em cooperação com agências das Nações Unidas e com a CPLP (e outras organizações do mundo lusófono) e surge como uma resposta em contextos de catástrofes naturais e decorrentes das mudanças climáticas. Exemplos da nossa atividade neste domínio são, entre outras, o Jogo Contra a Pobreza (PNUD, 2010); o Jogo Gesto Contra a Fome (ACNUR e Fundação Luís Figo, 2012); doação de apartamentos a famílias e indivíduos desalojados na Madeira na sequência da catástrofe natural de 2010; colaboração na campanha “Juntos Contra a Fome” da CPLP; colaboração com a Missão Obrigado Portugal que prontamente colaborou no Nepal em função do terramoto de abril de 2015; atribuição em 2018 de casa em Vila Facaia a família em situação de fragilidade social; e atribuição em 2018 de casa aos jovens órfãos Pedro e Gino Oliveira.